A DESMOBILIA SE REINVENTOU.

A DESMOBILIA SE REINVENTOU.

Na entrevista, Eduardo Rosa e Gustavo Malucelli revelaram detalhes bem interessantes de como foi o processo criativo. Olha só:

 

Desmoblog: Falem um pouco do processo de “reinvenção” da marca Desmobilia?
P,P&B: Inicialmente, o briefing do estúdio era criar um guia para dar unidade e estrutura aos materiais gráficos da Desmobilia. Com o tempo a empresa foi ganhando maneiras diferentes de se apresentar em suas mídias e as peças nem sempre seguiam a mesma direção. Antes de começarmos o manual, vimos que, mesmo o logotipo sendo bem elaborado, marcante e embasado, esteticamente ele já havia perdido um pouco sua validade. Partindo disso, pensamos em uma atualização sutil das formas da marca. Continuamos com os seus pontos fortes, porém, trazendo seu desenho para um caminho contemporâneo. Para isso, todas as letras foram redesenhadas resultando neste novo formato. O restante dos elementos gráficos surgiram a partir dos estudos e regras criadas durante o processo de redesign do logotipo.

Desmoblog: A nova identidade mantém as cores originais, com ênfase para o laranja. Expliquem um pouco essa escolha.
P,P&B: A cor laranja acompanha a empresa desde o começo. Como fizemos com o logotipo, houve também uma atualização no Pantone do laranja e buscamos um tom que conversasse com as mudanças que estávamos fazendo. O preto agora também entra como uma das cores primárias da marca. A relevância que demos às cores é tamanha que o guia de marca da Desmobilia chama-se “O Livro Laranja”.

Desmoblog: Qual a importância do selo “DESMO” nessa nova identidade visual?
P,P&B: Como é dito no Livro Laranja: o selo é uma forma amigável de comunicar “Desmobilia”. Desmo é “Desmobilia.” Grande parte das submarcas já usavam o termo “DESMO”, como: DesmoNews, DesmoBlog, DesmoSwap entre outras (até mesmo o DesmoTalk que estamos fazendo aqui :D). A partir disso, estudamos uma maneira visual de apresentarmos o “Desmo”, de forma que ele tivesse unidade quando fosse utilizado junto aos diversos serviços da empresa. O selo é a compactação da palavra Desmobilia (essa é uma das razões do box envolvendo o texto).

 

 

 

 

Desmoblog: Essa reinvenção tem a ver com o posicionamento e a cultura da Desmobilia de retomar o passado e dar a ele novos significados e fôlego para o futuro?
P,P&B: Sim. Estudamos muito os conceitos que a Desmobilia já vem trabalhando há anos para a realização desse projeto. Mergulhamos nas fontes das ideias que dão origem a personalidade da marca, coletamos referências do modernismo (principalmente de processos de criação) e fizemos o nosso melhor para dar um olhar atual para tudo o que foi estudado durante o processo. Ao final da pesquisa, demos origem aos “3 Princípios Laranja” e trouxemos conceitos que já são empregados nos produtos para o universo gráfico.

Desmoblog: Na opinião de vocês, é importante uma marca evoluir com o negócio?
P,P&B: Toda evolução é necessária. A Desmobilia tem na sua cultura uma ansiedade por inovação e renovação. O produto se transforma constantemente e internamente observamos como a dinâmica dos processos é, em muitos casos, bem experimental. A atualização da marca é resultado do trabalho que eles já vêm fazendo a um bom tempo.

Então, você já sabe: a partir de agora, teremos uma nova cara e assumiremos de vez o nickname “DESMO”. E é claro que você pode nos chamar assim. Afinal,  já somos íntimos.

Redação: Desmoblog com informações de Pedro, Pastel e Besouro
Fotos: Desmobilia.

Deixe um comentário

Close Menu